Realizou-se no passado dia 2 de Março, em Badajoz, a 7ª reunião do Comité de Gestão do POCTEP 2007-2013, com uma agenda onde se destacou a decisão sobre as candidaturas apresentadas à segunda convocatória do programa.

Nesta convocatória foram apresentadas 269 candidaturas que solicitavam um apoio do FEDER no montante de 317,8 milhões de Euros, tendo o Programa disponível 125,6 milhões de Euros.

Assim, foram aprovados 114 projectos com um financiamento FEDER de 115,8 milhões de euros (taxa de co-financiamento de 75%).

Dos projectos aprovados, 20 envolvem entidades da Região Centro a cooperarem com entidades de Castilla y León e 14 com entidades da Extremadura.

Estes projectos vêm dar um novo fôlego às Comunidades de Trabalho Transfronteiriças que a Região Centro mantém com aquelas regiões, porque estão alinhados com as respectivas estratégias de cooperação: o projecto MIT – Mobilidade, Inovação e Território, no caso de Castilla y León, o território do Tejo Internacional, no caso da Extremadura.

Os temas e áreas de trabalho são variados: educação, cultura, juventude, apoio social, emprego e formação profissional, actividade empresarial, energias renováveis e eficiência energética, inovação e desenvolvimento tecnológico, universidades, ambiente, prevenção de riscos naturais e tecnológicos, turismo, cooperação entre cidades, logística, agricultura ou desenvolvimento local.


Mas informações sobre esta convocatória podem ser obtidas em POCTEP: Programa de Cooperação Transfronteiriça Portugal/Espanha 2007-2013 ou no site do Programa (http://www.poctep.eu/).